4 didáticas para usar o celular em sala de aula!

4-didaticas-para-usar-o-celular-em-sala-de-aula.jpeg

 

A utilização de celular em sala de aula para fins recreativos, como os aplicativos de mensagens instantâneas, jogos compartilhados, envios de fotos e acesso as redes sociais, têm se tornado um grande tormento para muitos os professores.

A tecnologia dos aparelhos móveis somada as versões tradicionais no aprendizado desestimula o aluno que não tem interesse em acompanhar as informações.

Apesar de muitos professores considerarem um problema o uso desses aparelhos no ambiente acadêmico, alguns benefícios tem sido implantados com sucesso.

Considerando mais esse desafio para os professores é possível inovar na sala de aula utilizando ferramentas pedagógicas que estimulam o interesse pelo assunto.

Conheça 4 didáticas muito interessantes para usar o celular em sala de aula:

1- Criação de grupos de discussão

A criação de grupos no celular é uma prática recorrente e gera muitas curtidas pelos alunos. O ponto interessante é inserir o tópico da aula alguns dias antes e postar pequenas perguntas para fomentar as respostas.

Essa é a proposta da sala de aula invertida onde os alunos estudam a matéria antes de iniciar as explicações do professor. Assim eles ficam mais interessados no conteúdo que será ministrado no dia.

2- Desenvolvendo aplicativos no celular

Para estimular a criatividade e desenvolver a interdisciplinaridade no ambiente escolar, o professor pode solicitar como atividade avaliativa a criação de um aplicativo para celulares.

O educador deve direcionar os principais tópicos da matéria que devem ser inseridos e quais informações não são permitidas.

Cada grupo de alunos fará um subtópico do conteúdo ministrado e ao final o professor avaliará a clareza das informações, criatividade e dificuldade dos alunos em desenvolver a atividade.

3- Banco de imagens

Na era dos “selfies” e registro de momentos por meio de fotos no celular é possível considerar essa tendência dos jovens em prol da educação.

Uma das atividades seria montar um banco de imagens sobre determinado assunto abordado em sala de aula. Os alunos registrariam imagens dentro e fora do ambiente escolar para elaborar um grande mural.

Outra proposta interessante é estimular a reflexão dos alunos sobre a dependência do celular. Imagens mostrando os jovens com celular em ambientes coletivos com pouca interação social é uma excelente discussão para as salas de aula.

Enquanto os jovens não perceberem a importância irracional direcionada a um celular não conseguirão diminuir a influencia que o aparelho exerce.

4- Páginas para atividades beneficentes

É inegável que a divulgação on-line de qualquer serviço atinge um número superior de interessados.

Pensando nisso e associando a trabalhos beneficentes, os professores podem estimular a criação de páginas nas redes sociais em prol de uma boa causa. Podem ser páginas dedicadas ao bullying, inclusão de pessoas com necessidades especiais no ambiente escolar, aos portadores de deficiência intelectual ou outro tema ligado à preservação da dignidade humana.

Assim os alunos ficarão engajados com a tecnologia e com a ajuda ao próximo.

A utilização do celular em sala de aula constitui uma ferramenta pedagógica interessante. Os professores precisam diminuir a resistência de sua utilização para conseguir atenção e foco dos alunos, além de criar um ambiente interativo e enriquecedor.

Gostou do texto? Então curta nossa página no Facebook e fique por dentro de mais informação de qualidade!

 

Gestão-pdagógica---Como-usar-a-tecnologia-a-favor-do-ensino