Tecnologia

Conheça 6 bons motivos para aplicar simulados on-line para seus alunos

conheca-6-bons-motivos-para-aplicar-simulados-online-para-seus-alunos.jpeg

Quando se trata de estudar para concursos, Enem e vestibulares, a aplicação de simulados é ferramenta mais do que obrigatória para medir os conhecimentos dos estudantes e ajudá-los a reforçar conteúdos ainda não fixados até o dia dos exames.

Mas enquanto instituições de ensino como cursos pré-vestibulares lançam mão de métodos tradicionais, com provas impressas e correções demoradas, os simulados online estão aí para provar que é possível tornar o processo muito mais dinâmico e ainda colher diversos benefícios com a tecnologia — o que facilita em muito a vida não só de quem aplica os testes, como também dos estudantes que os realizam.

Você sabe quais são esses benefícios? Então não perca tempo e conheça agora mesmo 6 motivos para aplicar simulados online para os seus alunos!

4 dicas de como corrigir provas com mais produtividade

professor-saiba-como-corrigir-provas-com-mais-produtividade.jpegPlanejar as aulas, ler material de apoio e ainda dar conta de tarefas da sua vida pessoal: essa é a vida sobrecarregada de muitos professores no Brasil. Esse profissional fica ainda mais assoberbado após o período de provas, em que todo material deve ser avaliado individualmente. Por isso, saber como corrigir provas de uma forma mais eficiente pode ser uma mão na roda.

Mudando algumas atitudes comportamentais com organização do tempo, o mestre pode conseguir se aprimorar nesse processo. E no caso dele saber aproveitar as tecnologias, poderá cumprir a correção das provas e ter mais tempo para levar inovação para sala de aula.

Quer saber como? Acompanhe este texto e conheça 4 boas práticas para agilizar sua rotina de correção de forma eficaz e ao mesmo tempo segura!

6 mitos sobre o uso da tecnologia nas escolas

desmistificando-o-uso-da-tecnologia-nas-escolas.jpeg

O uso da tecnologia nas escolas é visto com certa resistência por muitas pessoas. Muitos acreditam que ela é prejudicial ao aprendizado e alguns mitos acabam impedindo a evolução do ensino nas instituições.

Descubra aqui alguns dos mitos mais comuns sobre o uso da tecnologia na educação e, na sequência, entenda de que forma ela pode ser benéfica para o aprendizado.

Como utilizar o Big Data na educação para reduzir custos?

como-utilizar-o-big-data-na-educacao-para-reduzir-custos.jpeg

Ainda pouco utilizado e desempenhando a função importante de um grande banco de dados, o conceito do Big Data na educação é bem simples: armazenar um volume extenso de informações relevantes sobre o aluno e visar a melhor atuação do professor em sala de aula.

Plataformas digitais como o Google, Facebook, Netflix e Amazon já fazem uso do Big Data. É por meio desse mecanismo que as propagandas que você encontra nesses sites muitas vezes têm uma relação direta com a sua vida, como a ofertas de produtos logo após uma pesquisa rápida na internet. O Big Data coleta dados de uso no universo on-line e te sugere apenas informações consideradas relevantes ao seu perfil.

Funcionando em algumas universidades, como a de Connecticut nos Estados Unidos, o sistema possibilita a análise de rastros de dados e estatísticas de estudantes na web, proporcionando um ensino adaptado a sua personalidade. Confira!

A lição vai mudar: entenda as novas tecnologias na educação

a-licao-vai-mudar-entenda-as-novas-tecnologias-na-educacao.jpeg

Mais que mostrar o aprendizado como algo obrigatório, as lições de casa precisam engajar o aluno para que ele crie a vontade de aprender. As novas tecnologias na educação têm se mostrado importantes nesse sentido.

Quer entender como e por que as novas tecnologias na educação vão mudar esse cenário? Então continue a leitura deste post!