Tecnologia

6 mitos sobre o uso da tecnologia nas escolas

desmistificando-o-uso-da-tecnologia-nas-escolas.jpeg

O uso da tecnologia nas escolas é visto com certa resistência por muitas pessoas. Muitos acreditam que ela é prejudicial ao aprendizado e alguns mitos acabam impedindo a evolução do ensino nas instituições.

Descubra aqui alguns dos mitos mais comuns sobre o uso da tecnologia na educação e, na sequência, entenda de que forma ela pode ser benéfica para o aprendizado.

Como utilizar o Big Data na educação para reduzir custos?

como-utilizar-o-big-data-na-educacao-para-reduzir-custos.jpeg

Ainda pouco utilizado e desempenhando a função importante de um grande banco de dados, o conceito do Big Data na educação é bem simples: armazenar um volume extenso de informações relevantes sobre o aluno e visar a melhor atuação do professor em sala de aula.

Plataformas digitais como o Google, Facebook, Netflix e Amazon já fazem uso do Big Data. É por meio desse mecanismo que as propagandas que você encontra nesses sites muitas vezes têm uma relação direta com a sua vida, como a ofertas de produtos logo após uma pesquisa rápida na internet. O Big Data coleta dados de uso no universo on-line e te sugere apenas informações consideradas relevantes ao seu perfil.

Funcionando em algumas universidades, como a de Connecticut nos Estados Unidos, o sistema possibilita a análise de rastros de dados e estatísticas de estudantes na web, proporcionando um ensino adaptado a sua personalidade. Confira!

A lição vai mudar: entenda as novas tecnologias na educação

a-licao-vai-mudar-entenda-as-novas-tecnologias-na-educacao.jpeg

Mais que mostrar o aprendizado como algo obrigatório, as lições de casa precisam engajar o aluno para que ele crie a vontade de aprender. As novas tecnologias na educação têm se mostrado importantes nesse sentido.

Quer entender como e por que as novas tecnologias na educação vão mudar esse cenário? Então continue a leitura deste post!

Ensino híbrido: entenda o conceito e utilize a ferramenta na escola

saiba_como_transformar_a_sua_estrategia_pedagogica_em_4_passos.jpg.jpeg

 

Não tem mais como negar que a tecnologia tem transformado de forma crescente a nossa sociedade: segundo uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2015 o número de internautas no Brasil ultrapassou 100 milhões de pessoas, aumentando em 7,1% a quantidade do ano anterior — uma taxa de crescimento impressionante.

Cabe àqueles que se interessam pelas metodologias de educação descobrir como utilizá-la para incentivar cada vez mais os estudantes, garantindo que eles possam otimizar sua maneira de aprender ao mesmo tempo que respeita sua individualidade.

Foi dessa busca que surgiu o ensino híbrido, um modelo que une tecnologia e aprendizado. Para saber mais sobre a metodologia e como ela pode ser aplicada, acompanhe o post!

4 didáticas para usar o celular em sala de aula!

4-didaticas-para-usar-o-celular-em-sala-de-aula.jpeg

 

A utilização de celular em sala de aula para fins recreativos, como os aplicativos de mensagens instantâneas, jogos compartilhados, envios de fotos e acesso as redes sociais, têm se tornado um grande tormento para muitos os professores.

A tecnologia dos aparelhos móveis somada as versões tradicionais no aprendizado desestimula o aluno que não tem interesse em acompanhar as informações.

Apesar de muitos professores considerarem um problema o uso desses aparelhos no ambiente acadêmico, alguns benefícios tem sido implantados com sucesso.

Considerando mais esse desafio para os professores é possível inovar na sala de aula utilizando ferramentas pedagógicas que estimulam o interesse pelo assunto.

Conheça 4 didáticas muito interessantes para usar o celular em sala de aula: