Sala de aula

Top 5 tendências de tecnologias para uso em educação

Muitos dirigentes e educadores me procuram para saber como tomar decisões sobre inovações em suas escolas quando surgem novas soluções diariamente na área de tecnologia educacional.

Reuni, neste artigo, 5 tendências e ações práticas embasados na pesquisa que Jane Hart publicou com o ranking das 100 ferramentas de aprendizagem mais usadas em 2015.

Em sua 9a edição, ela compilou votos de mais de 2.000 profissionais de educação ao redor do mundo e revela tendências interessantes da área com aplicações imediatas para escolas e professores.

Os resultados são surpreendentes!

 

Top ferramentas de aprendizagem 2015

Neste artigo procuramos elencar as cinco principais tendências e as ações práticas decorrentes delas para apoiar gestores e professores em suas decisões de inovação

 

1 – O uso da nuvem e das ferramentas na Internet vai crescer.

Nos últimos cinco anos, das cinco principais ferramentas no ranking de tecnologias para educação, quatro delas são ferramentas baseadas na internet. Todas elas de uso gratuito.

Tudo leva a crer que esta lista de aplicativos usados gratuitamente via internet vai aumentar significativamente nos próximos anos.
Recomendações práticas: 
As escolas devem intensificar a quantidade e qualidade das atividades na Internet, substituindo rotinas tradicionalmente feitas no mundo físico (tarefas de casa, simulados, apresentações em sala de aula) por atividades digitais.

As escolas devem intensificar a quantidade e qualidade das atividades na Internet, substituindo rotinas tradicionalmente feitas no mundo físico (tarefas de casa, simulados, apresentações em sala de aula) por atividades digitais.

 

2 – O futuro será cada vez mais incerto.

Ou seja, pare de tentar adivinhar o futuro e comece a seguir tendências.

60% de ferramentas listadas no TOP 5 em 2015 não eram consideradas entre as TOP 20 ferramentas em 2007.

A única certeza que temos é que novas ferramentas e novos usos para antigas ferramentas, surgirão todo ano e que as escolas devem se articular para organizar tudo isso.
Recomendações práticas: 
Alunos e professores usarão novos recursos sempre. A única preocupação de gestores e professores deve ser como organizar estes recursos e acompanhar seu uso.

Sites como escoladigital.org.br youtube.com/edu, entre tantos outros, estão cheios de conteúdos para serem usados por professores.

O uso de ferramentas como os Cadernos Digitais Inteligentes são perfeitas para professores e escolas organizarem materiais existentes para os alunos, bem como produzirem e disponibilizarem outros novos. Além disso, tanto alunos como pais e professores podem se beneficiar de diagnósticos em tempo real sobre o conhecimento dos alunos.

 

Um professor, quatro disciplinas e muita inspiração!

foto witter

No último dia 6 de Maio tive o prazer de conversar com o professor Witter Duarte Guerra, da escola Impacto, de Itumbiara – GO. Falamos de motivação, tecnologia e práticas pedagógicas. Witter é professor de ciências, física, biologia e química, tem 24 anos, pós-graduando em Metodologia do Ensino em Biologia e Química pela Universidade Cândido Mendes – UCAM, graduado em Ciências Biológicas pela Universidade Luterana do Brasil – ILES/ULBRA. Witter inova bastante em sala de aula e ama muito o que faz. Acompanhe os principais pontos do nosso papo.

Entenda a sala de aula invertida

A sala de aula invertida ou flipped classroom é uma metodologia ativa que ressignifica o papel do aluno, do professor e da aprendizagem. Coloca o aluno no centro do processo ensino aprendizagem, como protagonista e, promove o desenvolvimento de uma aprendizagem ativa, investigativa e colaborativa.

O professor promove aos alunos um processo de aprendizagem contínuo, que acontece em diferentes espaços e possibilita ampliar seus estudos, conhecimentos, e ainda desenvolver habilidades de comunicação, gestão e autonomia. Neste novo formato de ensinar e aprender, os educadores são mediadores da aprendizagem e não detentores do conhecimento.

Big Data a serviço da educação

Big Data a serviço da educação

Quer saber como seu aluno estuda em casa? Quais suas preferências? Como ele aprende mais e melhor? Em 2014 com a vitória da seleção alemã na Copa do Mundo, muitos se perguntavam qual era a fórmula do sucesso. A resposta é simples: “[…] combine planejamento de longo prazo, disciplina, bons jogadores e … muita informação sobre o que acontece em campo” (ROSA, Guilherme, 2014)

Na educação não é muito diferente, basta combinar bons professores, alunos dedicados, planejamento de aula e estudo, disciplina e muita informação para atingir bons desempenhos e ter uma educação de qualidade. No entanto, como podemos conseguir esses dados?

Conheça os ganhadores do Concurso – O que é uma ótima aula?

Aulas Mais Interessantes para os Alunos – Phelipe Silva Andrade –  CCI


Há pouco mais de um mês lançamos um concurso referente ao dia dos professores com a temática:

O que é uma ótima aula? 

Tivemos algumas respostas e vou dividir com vocês a do Professor Raphael Matos do CDI, além de um vídeo muito legal que o professor Phelipe Silva Andrade, do Centro Educacional CCI Sênior, de Brasília. As práticas abaixo foram realizadas em diferentes estados do Brasil. Parabéns aos professores inovadores. Vocês estão fazendo coisas incríveis por ai!