Sala de aula

Relação professor e aluno: como compartilhar conhecimento de verdade

relacao-professor-e-aluno-como-compartilhar-conhecimento-de-verdade.jpeg

 
A ascensão dos cursinhos pré-vestibulares e as técnicas de ensino descontraídas provaram que a quebra da antiga relação vertical entre mestre e estudante é muito mais eficaz no sentido de trazer a atenção do aluno para a sala de aula, fazendo com que ele se interesse pelo conteúdo estudado.

Quais são as vantagens de deixar um pouco de lado a tradicionalidade de aulas expositivas e manter uma relação horizontal com os alunos, propondo um modelo de ensino mais dinâmico e maior engajamento em sala de aula? Continue a leitura e confira!

Ensino híbrido: entenda o conceito e utilize a ferramenta na escola

saiba_como_transformar_a_sua_estrategia_pedagogica_em_4_passos.jpg.jpeg

 

Não tem mais como negar que a tecnologia tem transformado de forma crescente a nossa sociedade: segundo uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2015 o número de internautas no Brasil ultrapassou 100 milhões de pessoas, aumentando em 7,1% a quantidade do ano anterior — uma taxa de crescimento impressionante.

Cabe àqueles que se interessam pelas metodologias de educação descobrir como utilizá-la para incentivar cada vez mais os estudantes, garantindo que eles possam otimizar sua maneira de aprender ao mesmo tempo que respeita sua individualidade.

Foi dessa busca que surgiu o ensino híbrido, um modelo que une tecnologia e aprendizado. Para saber mais sobre a metodologia e como ela pode ser aplicada, acompanhe o post!

5 passos para levar inovação para sua escola em 2017

5 passos para levar inovação para sua escola em 2016

 

Você quer ser popular ou relevante?

Esqueça tudo que não leva qualidade para a rotina pedagógica de sua escola! No último dia 21/10, no Fórum Nacional de Educação, lideranças de todo país, concluíram que o grande desafio atual de escolas públicas e privadas é levar qualidade para as salas de aula. Adotar inovações simples que impactem na gestão pedagógica e na prática do professor em sala de aula. Conclusão: Temos que levar inovação para a escola, melhorar a formação de professores, a gestão pedagógica do aprendizado e habilidades do século 21. Simples, não?

Saiba como engajar os alunos em 6 passos

Saiba_como_engajar_os_alunos_em_6_passos.jpg.jpeg

Muitos professores têm um grande problema quando se trata de consolidar um aprendizado mais efetivo nos alunos – se desdobram de mil maneiras para deixar as aulas mais interessantes, sem fugir do conteúdo programático exigido pelas instituições de ensino. O grande segredo para tornar suas aulas mais interessantes e fazer com que a sua turma aprenda mais e melhor é garantir o engajamento! Para te ajudar nessa missão, hoje você vai aprender como engajar seus alunos em 6 passos simples. Vamos conhecê-los?

Qual a melhor forma de avaliar alunos dentro da sala de aula?

Qual_a_melhor_forma_de_avaliar_alunos_dentro_da_sala_de_aula.jpg.jpeg

 

As formas de avaliar alunos no Brasil são sempre um assunto polêmico. Priorizar o modelo tradicional de avaliação — somativo ou classificatório —, cria um ambiente competitivo, e o resultado são alunos desmotivados, que estudam em busca de boas notas, quando o ensino poderia estar desenvolvendo muito mais do que isso.

No post de hoje, falaremos um pouco mais sobre métodos de avaliação de alunos, dando exemplos de alternativas que fogem do modelo tradicional. Acompanhe!